Conheça os princípios do lean management

O Lean Management ou “gestão enxuta”, em português, prospectou e alavancou o sucesso da Toyota, que não mostrava bons números de vendas. Ao contrário do que algumas pessoas pensam, esse tipo de gestão pode ser aplicado a diversas áreas e empreendimentos. Confira como funcionam seus processos.

Cinco princípios do Lean Management

1. Valor

O primeiro passo para realizar uma gestão enxuta, ou lean management, é a definição do que é valor para os seus clientes. Para isso, a empresa deve se colocar no lugar desses clientes, considerando suas expectativas, desejos ou necessidades. Então, é importante satisfazer esse cliente, avaliando os valores que podem trazer retornos positivos à empresa, que deve continuar crescendo. Dessa forma, a busca pela redução de custos e melhoria na qualidade dos produtos e serviços oferecidos devem permanecer em foco, reforçando a gestão enxuta.

2. Fluxo de valor

Depois da definição do valor, temos o fluxo de valor, que consiste em identificar três tipos de processos na cadeia produtiva da companhia: processos que geram valor, processos necessários, mas que não têm retorno de valor e os processos que não geram valor algum. Esses processos que não geram valor são totalmente desnecessários, devendo ser interrompidos e cortados da cadeia de produção.

Ao trabalhar apenas com aquilo que traz um crescimento real, é preciso nos atentar novamente à cadeia produtiva, sempre de uma maneira geral — avaliando todos os processos que fazem parte da gestão do negócio. A relação entre cada ponto é essencial, desde o início da produção até a pós-produção.

3. Fluxo contínuo

Ter um fluxo contínuo exige um certo empenho. Portanto, é preciso trabalhar com o estímulo que esse fluxo tende a provocar. Como o tempo gasto para desenvolvimento de produtos — o que inclui a elaboração, montagem, distribuição etc. — torna-se bem menor, a empresa passa a transmitir a ideia de produção instantânea.

Sendo assim, como a empresa conta com uma estrutura organizada e voltada para o bom atendimento ao cliente, quando algo é requisitado, esse requerimento é atendido com muito mais rapidez e eficiência.

4. Produção

Antigamente, as empresas costumavam “empurrar” seus produtos aos consumidores. Além disso, elas armazenavam seus produtos em estoques e os liberavam de acordo com as demandas dos clientes. Então, agora, a ideia é manter uma produção voltada para as necessidades do comprador, mas sem ter a necessidade de vender, a todo custo, um produto a ele.

Os consumidores buscam por esses produtos, porém, sem que a empresa precise fazer promoções ou queimas de estoques — já que o que é produzido é vendido. Isso aumenta a valorização da empresa, consolidando seu valor de mercado, mantendo o fluxo e a produção em ritmo contínuo.

5. Perfeição

O objetivo de todos os envolvidos nos processos e no desenvolvimento do Lean Management deve ser sempre conseguir o melhor resultado possível. Uma política de aperfeiçoamento constante deve estar clara para que os esforços sejam sempre direcionados à melhoria nos diversos processos.

Isso se aplica a todos os setores que se envolvem na gestão enxuta e contribuem para a consolidação dos ideais de crescimento, qualidade e eficácia, que a companhia almeja alcançar.

Assista o vídeo (em inglês)

Leia também:

A importância da redação publicitária
Por que os usuários preferem a busca orgânica?
Builder: peça poderosa que otimiza os processos Gálata!